Novidade bomba

Página principal

Acho que é uma notícia para se comemorar, sei que alguns não vão gostar, outros vão amar, isso se chama fãs da maior saga do cinema, coisa nunca vista e milhões de seguidores em todo o mundo, estou falando da aquisição da  Disney que comprou a Lucasfilm e a promessa da continuação da série.

Abaixo a reportagem tirada do site Terra:


Disney compra Lucasfilm e continuará a saga de Guerra nas Estrelas



LOS ANGELES, 30 Out 2012 (AFP) - O gigante do entretenimento Walt Disney Co anunciou a compra por pouco mais de 4 bilhões de dólares da produtora Lucasfilm, dona de "Guerra nas Estrelas" e o lançamento, em 2015, do sétimo episódio da saga, em um comunicado divulgado nesta terça-feira. A compra, por 4,05 bilhões de dólares, "combina um dos melhores portfólios do mundo, incluindo Star Wars, e uma das maiores franquias familiares de entretenimento de todos os tempos, com a criatividade única e incomparável da Disney," disse o presidente da Disney, Robert Iger.

A Disney prevê pagar cerca da metade do total em dinheiro e o restante com 40 milhões de títulos que serão emitidos no momento de encerrar a operação. A Lucasfilm é a produtora fundada por George Lucas, o criador e diretor do épico que estreou em 1977 e tornou Harrison Ford conhecido. "O lançamento de ''Star Wars Episode 7'' está previsto para 2015, e espera-se que mais filmes deem continuidade à saga de Guerra nas Estrelas e façam a franquia crescer", escreveu Walt Disney Co em comunicado enviado de Burbank (leste de Los Ángeles).

"O tamanho e a experiência da Disney dá a LucasFilm a oportunidade de abrir novos caminhos para os filmes, a televisão, os meios interativos, os parques temáticos, o entretenimento e os produtos de consumo", considerou o próprio Lucas, que até agora possuía 100% da empresa. A saga de Guerra nas Estrelas teve duas trilogias: três filmes lançados entre 1977 e 1983 e outros três entre 1999 e 2005. Juntos, os seis filmes arrecadaram cerca de 4,4 bilhões de dólares nas bilheterias de todo o mundo nos últimos 35 anos e oferecem "um universo virtualmente ilimitado de personagens e histórias", disse a empresa.

"Para mim, é tempo de passar Guerra nas Estrelas a uma nova geração de diretores. Sempre acreditei que Guerra nas Estrelas sobreviveria a mim e penso que é importante iniciar a transição enquanto estou vivo", afirmou. A produtora Kathleen Kennedy, que foi por muito tempo a mão direita de Steven Spielberg e atualmente é chefe executiva da Lucasfilm, sucederá Lucas na direção da empresa e se reportará ao presidente da Walt Disney Studios, Alan Horn. A Disney já realizou grandes operações deste tipo no passado, como a compra da empresa de animação Pixar e a de histórias em quadrinhos Marvel Entertainment.

Fim da reportagem do site Terra.

O Ubatombo, em primeira mão, realizou uma entrevista com João Marcelo Cunha, presidente do Conselho Jedi Bahia (CJBA).

Como recebeu a notícia da compra da Lucasfilm?

Com choque. Eu não esperava, mesmo após o debate da Aliança Salvador II, onde discutimos sobre um possível Ep VII, eu não contava com chegar em casa depois do trabalho e dar de cara com essa notícia.

Como acha que os fãs vão encarar?

Acredito que muitos não gostaram da notícia. Vejo as pessoas divididas, mas principalmente parte dos fãs mais "clássicos" da saga não estão contentes com isso. Vejo muitos de minha faixa etária e um pouco acima que veem com otimismo essa drástica mudança, mas nenhum dos dois lados está certo do que acontecerá. Só podemos torcer que venha coisa boa por aí.

Já tem idéia de como será esse filme, ou do que se trata?

Nenhuma ideia, estou pesquisando aqui por ora se especula que seja continuação direta do Retorno de Jedi.

Cunha publicou na sua página do Facebook:


Tem muita gente me perguntando o que eu acho sobre a compra da Lucasfilm pela Disney e o vindouro lançamento de Star Wars Episódio VII.

Agora eu já respirei, bebi água e sentei a cabeça. Vamos lá:

Alex previu com sua Force Vision este acontecimento que, para quem presenciou, foi discutido no debate Fãs VS Críticos da AS II. E lá, o que foi que eu falei?

"Não creio em um lançamento de Star Wars Episódio VII. Acho que apenas seis filmes foram planejados e escritos e que, se qualquer outro filme vier, que seja sobre histórias diferentes do Universo Star Wars, não focando tanto na família Skywalker."

Alex é Jedi Consular e eu sou Jedi Guardian. Isso explica a precognição do maldito.

Eu não mudo minha opinião. Sempre quis e sempre vou querer novas histórias e filmes de Star Wars. MAS, se esse Episódio VII tratar da família Skywalker, com um Luke idoso e sua prole na Nova Ordem Jedi, não serei hipócrita em dizer que não estarei na primeira fila da pré-estreia, porque eu confio na Disney e torço para que ela me surpreenda novamente.

A compra da Marvel também trouxe muitos temores para a comunidade geek/nerd, e que se provaram completamente infundados. Avengers foi a prova de que se não fosse o Mickey, não ia ter sucesso certo das hq's marveletes no cinema. Tudo (ou boa parte) foi investimento da Disney, e foi assim que pudemos curtir um dos melhores filmes de super-heroi da história.

Agora nós podemos esperar que Star Wars terá novos produtos, novas séries, PARQUES, filmes... sempre quis que Star Wars prosperasse e conquistasse novas gerações. A Disney é expert nisso, fato. Prometo não ser um fã chato, mas não engolirei tudo caso seja de meu desagrado.
A Disney faz tudo com carinho, e eu torço para que tratem com o mesmo carinho os filmes que mudaram a minha vida.

Conselho Jedi Bahia, se prepare! Nós retornamos em excelente hora!

(Perdão pelo texto mal-escrito. Ainda estou um pouco em choque)

Página principal